Quinta-feira, 12 de Maio de 2011
O Leitor Convidado

Convidámos o Rui Pedro Baptista do Blog Bela Lugosi is Dead para dar a sua opinião sobre os dois livros da colecção Mitos Urbanos, fica aqui a sua opinião e o nosso obrigado.

 

Crítica: Senhora Vingança/Espíritos de Gelo

 

 

 

Facto ou ficção? São histórias que fazem já parte da nossa memória colectiva. Que passam de boca a boca, variando um ponto aqui e ali. Histórias que se “alimentam-se do vazio, do medo e do preconceito.” São os mitos urbanos.

 

Foi este o ponto de partida para o novo projecto da Gailivro, Mitos Urbanos. Uma colecção no campo do terror e fantástico de livros de bolso, com o objectivo de “divulgar novos autores de língua portuguesa que, paralelamente ao seu gosto pela escrita, se impuseram, seja através do cinema, da música ou de outras formas de expressão artística, como ícones da nossa cultura pop.”

 

“…não tinha percebido que os tempos tinham mudado. Que os livros eram agora não só lidos por todos mas escritos por qualquer um e que vender um livro era muito mais que alimentar um apetite fútil do que emergência da alma.”

 

Fernando Ribeiro, vocalista dos Moonspell, apresenta-nos dois contos: TRVE e Exercício de Cidadania. O primeiro, uma crítica ao mercado editorial, em particular ao dos “vampiros”. O segundo, uma crítica à nossa sociedade. Contudo, e ainda que muito interessantes, fogem bastante à definição de mitos urbanos.

 

Em TRVEacompanhamos as preparações para o lançamento de um novo livro de Natalie Mayer, “uma escritora emergente da ficção de Terror, light que até doía, que se tinha especializado em vampiros.” E à medida que assistimos a todos os preparativos, assistimos também à preparação de uma terrível vingança…

 

No segundo conto, o autor critica severamente toda a situação política e social que o nosso país atravessa. E pelo meio, “ – Anda um gajo a matar políticos!”

 

Apesar de exagerar nos estrangeirismos, Fernando Ribeiro revela grande competência na escrita. E a forma incisiva com que apresenta as duas críticas é deliciosa.

 

“Se você não se lembrar do que aconteceu nas últimas horas, nós faremos com que sofra ainda mais, como se estivesse em um dos nove círculos do Inferno…

Foi o que eles disseram antes do terceiro electrochoque.

Essa nem foi uma das piores partes.”

 

Quanto a Raphael Draccon, escritor brasileiro, a sua história aproxima-se muito mais do que foi proposto. Falha no entanto na sua execução.

 

Draccon recria o mito em que um homem acorda sem um rim numa banheira cheia de gelo. E na sua versão, três pessoas espancam violentamente o indivíduo, com o intuito de descobrirem como tudo aconteceu. Existe um outro propósito, mas esse caberá aos leitores descobrirem.

 

A ideia até está bastante interessante, infelizmente Raphael Draccon deixa que a personagem principal, que também o narrador, divague demasiado tempo e demasiadas vezes. A história perde muito do ritmo com isso.

 

Apesar de um arranque algo morno, Mitos Urbanos é uma colecção com muito ainda para oferecer. – Rui Baptista



publicado por 1001mundos às 17:11
link do post | adicionar aos favoritos

2 comentários:
De Jorge Pardal a 12 de Maio de 2011 às 20:58
"Apesar de um arranque algo morno, Mitos Urbanos é uma colecção com muito ainda para oferecer."

Como é que sabes? Já leste os livros seguintes?


De Yaramar Albj@gmail.comuquerque a 15 de Maio de 2011 às 16:32
Acho que não li o mesmo livro deste crítico. Estou começando a ler agora "Senhora Vingança" mas já terminei "Espíritos de Gelo". O livro é muito bom, gostoso, não consegui parar de ler. Draccon não decepcionou os leitores, como tudo em que faz.


Comentar post

.mais sobre mim
.links
.Novidades 1001 Mundos







.posts recentes

. «Prodigy», de Marie Lu, a...

. «A Viajante», de Arwen El...

. «O Trono dos Crânios», de...

. Entrevista com Stephenie ...

. «Crepúsculo» reimaginado....

. Edição do 10º aniversário...

. Edição do 10º aniversário...

. «Seeker - O clã dos Guard...

. «O Grande Bazar e Outras ...

. Frankenstein, de Mary She...

.arquivos

. Julho 2016

. Junho 2016

. Janeiro 2016

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Novembro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Outubro 2013

. Março 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

.subscrever feeds